quinta-feira, 7 de março de 2013

Maternidade e carreira sao possiveis de conviverem harmonicamente?


 Acredito que a maioria das maes pensam muito sobre este assunto, de uma certa forma tanto carreira e maternidade fazem parte de nossa identidade. Duas identidades que ha um tempo atras ao coloca-las juntas numa mesma pessoa poderiam se conflitar, ou voce eh mae ou voce eh profissional. Acho que ja bloguei sobre isso antes aqui. Mas sera que hoje em dia eh possivel conciliar maternidade e carreira? Quais sao os riscos e beneficios de seguir uma carreira e ser mae ao mesmo tempo? Acho um tema tao rico e com tantas variaveis que acredito que a resposta seja bem mais complexa do que um simples sim ou nao. Apesar de que, nao vou debater neste post sobre multiplas jornadas de trabalho, nem a culpa de nao estar presente o tempo todo, muito menos a desigualdade de direitos entre homens e mulheres no trabalho! Mas sim o desejo de um sistema mais justo e simpatizantes de mae com carreiras. 

Logico que cada experiencia eh diferente das outras. No meu caso a Yasmin aflorou meu lado empreendedor! Eu nao tinha uma carreira definida e dei a luz a um bebe, eu tive Yasmin e a carreira cresceu junto com a minha pequena. Lembro-me como se fosse ontem, quando procurei conselho com uma amiga minha. Yasmin tinha completado 1 ano e tres meses, eu estava um pouco frustrada por que queria algo diferente. Amo ser mae e acho Yasmin uma das maiores bencaos da minha vida, mas a rotina e o dia a dia com um bebe me deixava com um sentimento de pouca produtividade. Apesar de saber e entender que mae eh uma das mais importantes tarefas da vida de uma mulher, dia apos dia crescia em mim tambem um desejo de agregar valor  mas de outra forma. Minha amiga que tem o dobro da minha idade, com 3 filhos e  muito mais experiencia do que eu quis me consolar, com a famosa frase quando lhe contei da minha frustracao: "Toda mae passa por isso!Este sentimento eh normal, ser mae eh uma delicia, mas eh dificil, muita das vezes significa renuncia. Logo, logo ela cresce e este sentimento desaparace!"

Mas o dia a dia com a Yasmin ativava minha criatividade.E para estravaza-la eu fazia comidinhas decoradas, compunha musicas soh para ela, cartazes, estorinhas ate que passei a fazer acessorios para cabelos. Foi ai que me encontrei profissionalmente tambem. Comecei a fazer soh para ela, que usava no cabelinho dourado e chamava atencao, minha modelinho!. Tive a sorte de nao ter tanta concorrencia no comeco. Quanto mais fazia, mais acessorios vendia, passei a fazer feiras e pegar encomendas de familiares e amigos que logo passava os contatos para amigos e amigos de amigos e assim Missy Brown acessorios nasceu na Inglaterra. E de la para ca, muita coisa mudou, uma empresa tem que passar por mudancas e se adaptar ao mercado rapidamente. Aproveitando  a minha historia e experiencia em moda, criamos a linha femina de roupas e acessorios tambem.

Mas apesar de ter sido rapida a transicao, nao quer dizer que tenha sido facil. A linha de producao comecou aqui em casa, na minha mesa, apesar de estar o tempo todo com a Yasmin, era dificil dar atencao a ela o tempo todo. Isso significava esconder fitas e objetos cortantes do alcance dela e tambem muitas madrugadas trabalhando enquanto ela dormia. Ficava a maior parte do tempo com ela, mas o tempo que sobrava ao inves de ir comer ou descansar eu ia para a mesa de producao e mandava ver. Finais de semana eu deixava a Yasmin com o pai e ia para feiras locais de moda para vender. Por estar o tempo todo com Yasmin, nao gostava da ideia de deixa-la para tras. Afinal de contas esta empresa comecou com ela, a minha  inspiracao e incentivadora maior. Ficava frustada de nao ter como leva-la em feiras de moda. E a frustracao soh aumentava depois de inumeros telefefonemas com organizadores e sempre a mesma ladainha " Oi sou uma empresa nova no mercado, vendo acessorios de crianca, tem como entrar na lista de exibitores deste ano? E por falar nisso voces tem creche para criancas pequenas, tenho uam filha pequena e gostaria de leva-a comigo na feira?"  Quase sempre a pessoa levava um choque com a minha pergunta e desejo de levar Yasmin comigo. Seria otimo saber que ela estivesse perto de mim, mas meus esforcos eram em vao! Apesar de achar algumas maes que faziam feira e adotaram esta ideia comigo, os organizadores contudo nao tinham interesse em montar esta creche temporaria! Mas isto nao me impediu de ser mae e nem de estabelcer meu neogocio! Mas me deu uma visao diferente da que tinha antes.

Apesar da minha experiencia ser minima e bem particular neste vasto mundo de maes no trabalho uma coisa ficou claro e senti na pele. Sao visiveis e reais as barrerias que temos quando se trata em tentar conciliar maternidade e carreira profissional. Mas como tudo em nossas vidas devemos usar as dificuldades para criar oportunidades! O conciliamento maternidade e carreira vai depender muito da cultura da empresa em questao. E quando as empresas perceberem que a contratacao de mais maes no mercado de trabalho eh um ganho para a nossa sociedade, acredito que o conflito maternidade e carreira pode ser pelo menos amenizado. Fico impressionada como  maes sao extremamente competentes em criar sitemas de logisitica funcionais. O proprio sair com crianca eh um exercicio muito bom, arrumar a bolsa da crianca nao esquecer fralda, lencinho umedecido, troca de roupa, lanchinho, mamadeira, brinquedo, carrinho, capa de chuva e etc. Maes sao mais sensiveis em tomadas de decisoes e trabalham realmente pelo que  elas acreditam que possam fazer um mundo melhor um dia para seus filhos.

Nossa empresa consiste ainda em um time pequeno, mas dou prioridade em contratar maes. Como por exemplo 75% do nosso personel sao maes! Algumas com filhos mais velhos, outras com filhos mais novos, mas prorizo a produtividade dos funcionarios com a flexibilidade de horarios e o conforto de estar perto dos filhos. Ainda nao temos fabrica propria, nos terceirizamos a producao hoje em dia, mas os planos sao de ter uma fabrica com creche e disponibilidade de ver e ficar com os filhos (menores de 2 anos logico) enquanto a mae trabalha para facilitar sua vida e desta forma agregar valor e incentivar maes por este mundo a fora a conciliar carreria e maternidade. Este eh o meu sonho de empresaria! E por que nao? 

3 comentários:

Blog da Vania disse...

Sim, e porque não? Sonho lindo, já posso ver sendo realizado. Parabéns pelo sonho, pelo seu post e pelo seu empreendedorismo. Sou sua fã!!! beijos

Blog da Vania disse...

Sim, e porque não? Sonho lindo, já posso ver sendo realizado. Parabéns pelo sonho, pelo seu post e pelo seu empreendedorismo. Sou sua fã!!! beijos

Blog da Vania disse...

Sim, e porque não? Sonho lindo, já posso ver sendo realizado. Parabéns pelo sonho, pelo seu post e pelo seu empreendedorismo. Sou sua fã!!! beijos

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails