terça-feira, 30 de agosto de 2011

Caminhando em nuvens de algodão

No breve caminhar da vida, tive o privilégio de encontrar uma pessoa que transformou meu destino, mudou a minha estória. Há exatamente dois anos atrás lá estava eu, vestida de noiva:  adornada de sonhos, coroada de esperança e trazendo nas mãos felicidades!  

 E nestas bodas de algodão faço um post para meu amado, meu companheiro, meu amigo, meu marido e meu eterno namorado daddy Brown. Que é , foi e sempre será o motivo do meu coração bater mais forte, das borboletas em meu estomago. Ao único homem que me permití amar em minha vida. Ao pai da Yasmin. Ao homem de coração corajoso,  caráter nobre e inteligencia perspicaz a quem eu muito admiro.  

Um obrigada especial ao meu príncipe que há dois anos atrás me resgatou de uma vida de solidão. A ele que me protege com seus braços fortes,  que me nutre com seu carinho,  que me acalma com estes lindo olhos azuis, que ilumina o meu dia com o seu sorriso! Ah seu sorriso! O sorriso mais lindo que eu já vi na minha vida, posso fazer um post só do seu sorriso. E este mesmo sorriso que me seduziu a primeira vez que o vi e me seduz até hoje.



Daddy Brown I can´t live without you!! 









Meu amor, neste aniversário de casamento meus pés caminham em nuvens de algodão, por isso piso de leve de mansinho, sem pressa e sem destino. Felicidade me chama para bailar, no carinho seu, nos seus beijos e abraços...







Obrigada Darling há dois anos atrás mal sabia eu que a minha vida mudaria completamente...


 .. para melhor.

... E muito melhor...



Que nossa estória feliz, não tenha fim... E seja assim... Um recomeço de amor e paixão , respeito e admiração sempre...


sábado, 27 de agosto de 2011

Sono e seus inibidores

Agosto com certeza foi um mês cheio de conquistas para a nossa Popsy. Foi em Agosto que paramos com a cama compartilhada e começamos a papinha, que Yasmin sentou sozinha pela primeira vez e agora a última...


... que saiu do quarto da mamãe e esta dormindo sozinha e a noite toda (leia-se sem acordar para mamar no meio da noite) no seu quartinho.


Pausa... (Momento para enxugar as minhas lágrimas) Despausa...


Pipoooooouuuuu Cadê meu nenê??? Me falaram que passava rápido toda a "movimentação" de bebê novo, mas tinha que ser tão rápido assim?


Lógico que eu estou super orgulhosa ne? Deixa eu contar como que tudo isso aconteceu...


Yasmin não dorme muito durante o dia, já tentei de tudo e não adianta ela fica 7 a 8 horas sem dormir de boa, e eu quase me descabelo. Mas a noite ela até que dorme bem, deu 6 / 7 horas da noite ela apaga, no meu peito. Nós aqui fizemos uma livre demanda de rotina, se é que voces me entendem?!!  Tento desde os 2 meses de idade amamenta-la de 3 em 3 horas, lógico que tinha dia que não dava ai era de 2 em 2 horas mesmo. E desde a maldita gripe dos 3 meses que a Yasmin só dormia no meu peito. Ai era aquela luta para coloca-la no berço sem acordar, por que se acordasse era um chororo e ela ficava muito nervosa.


Até que semana passada na spring cleaning ( faxina em ingles para ficar mais chique rs) achei um monte de livro tudo jogado pela casa, e livros ensinando rotinas e tal. Um deles eh o guia completo de dormir da tal da Gina Ford ( ela é a versão Britânica da Tracy Hogg) que eu amoooooooo #Ginaeuteamo!!!!!


 Tem gente que não gosta dela por que ela é meio que sargentão sabe? Super radical, mas combina com o meu jeito 8 - 80 de ser. Eu realmente a amo por que todos os bebes que eu conheço que foram colocados na rotina dela dormem a noite toda e sozinhos!! Issso mesmo, eu quase cai de quatro quando eu vi isso! Na minha epoca de Baby sitter eu não tinha quase nenhuma experiencia com bebes. E o bebe que fui "babysittar" eu tinha que colocá-lo no berço as 8 horas da noite. A mãe me deu uma mamadeira e falou: " Nao olha nos olhos dele, de a mamadeira, não converse com ele, de o bico, coloque-o no berço e apague a luz"!!! E eu perguntei e se ele chorasse, a mãe riu e falou que ele não iria chorar! E não é que era verdade, ele até deu tchauzinho para mim quando eu apaguei a luz!!! Se eu não tivesse visto eu não acreditaria!!!


No seu livro ela fala dos inibidores do sono:


* Fome
* Dieta
*Super cansaço ( over tiredness)
*Super estimulação ( over stimulation)
*Gases
*Doenças
*Ansiedade de separação
*Dentes nascendo
*Desconforto
*Assaduras no bumbum


Então lendo o item fome deste capítulo eu percebi que fazer ela dormir no meu peito não era uma boa ideia.


Estava fazendo tudo errado, estava dando banho antes de amamenta-la, ou seja ela tomava banho com fome e depois ficava muito cansada para amamentar. E então dormia no meu peito era só tentar tira-la que ela acordava com fome e chorava. E assim era o ciclo ate ela dormir e acordar no meio da noite com fome de novo.


Hoje em dia ela amamenta, eu dou banho, e ponho ela no berço.Mas ela chora, ai ela se distrai e brinca com os livrinhos dela e dorme... Simples assim, como dorme de barriguinha cheia, nao acorda no meio da noite com fome, se ela acorda, ela  volta a dormir sozinha.


E eu voltei a dormir a noite toda!!Teoricamente! Alias só o primeiro dia ne? Por que estas duas noites passadas eu acordo de 3 em 3 horas e fico olhando para ela, a vigiando pelo o monitor que agora eu durmo abraçadinha... abraçadinha


Moral da estória :E não se iludem, de tchau para as noites bem dormidas: Não adianta se seu filho dorme a noite toda, se voce é mãe voce nunca mais, nunca mais vai dormir da forma que voce dormia antes do seu filho(a) nascer. #etenhodito

Dos apelidos e nomes estranhos sem sentindo

Dizem que ser mãe é padecer no paraíso, para mim ser mãe é mais: pagar língua no paraíso rs. Desde que virei mãe pago língua, e como pago rs. Tudo o que eu falei antes de engravidar que eu não ia fazer eu faço ou fiz com o nascimento da Yasmin: cama compartilhada, pegar muito no colo, dormir no meu peito, começar papinha antes dos 6 meses, e a lista não para por ai rs.


Antes de ficar grávida tinha a ilusão que ia ser uma mãe diferente e como tal uma coisa que não faria seria dar apelidos sem sentindo a minha filha. Pois eles podem ate ser divertidos quando somos crianças, mas no fundo só nos envergonha quando crescemos.


Realiza a cena:


Um bando de adolescentes e a mãe chega toda orgulhosa trazendo os bolos de chuvas numa travessa e diz: "Bicuquinha fiz estes bolinhos para voce e seus amigos"!!! Gente para tudo!!! Qual adolescente que não quer enterrar a cabeça no chão numa situação destas. Eu fazer minha filha passar por uma vergonha dessa?? Nem morta!!! 


Até que um dia ela nasceu, pequenina, fragil, parecia um pacotinho da felicidade toda embrulhada em cueiros, a coisa mais linda que eu tinha visto na vida e eu lá firmona. Seu nome é Yasmin e pronto nada de Yaya, Nini no máximo me permitiria chama-la de florzinha. Yasmin= flor, flor = jasmin. Pensava cá comigo: assim pode, pois tem sentido. Então daddy Brown no primiero dia de vida dela sem saber dos meus planos olha para ela e começa: Popsy para ca, Popsy para lá.    


Escutar meu marido a chamar de Popsy foi como música aos meus ouvidos, olhava para ela, e realmente ela tinha cara de Popsy. De lá para cá Popsy se ramificou em Popsicle, Pipoca, Popcorn, Pepeca, Pops. Mas o Popsy se instalou e ficou para valer. Começou com o meu marido e parece que isso pega, agora sou eu, as duas avós, o vovô Brown, tios e tias que a chamam de Popsy. E quem mais quiser rs


Me resignei com idéia de chama-la por apelido sem sentido. Meu medo nesta trama toda é que ela não goste ou a envergonhe num futuro próximo. Mas até a sua adolescência tem pelo menos 12 anos pela frente, até lá, tento convencê-la que Popsy é nome de estrela de rock ( por que ai ela pode gostar do apelido, quem sabe?)


Uma vez escutei esta frase " A infância é o período da vida da gente onde a gente passa o resto da vida tentando curar os traumas provocados por ela". E mesmo se não gostar do apelido, quando ela crescer e tiver filhos ela vai entender que apelidos e nomes estranhos sem sentido vem do âmago da mais pura emoção ( nada de razão), uma explosão de amor que não conseguimos conter, se até la ela não entender, a gente faz diferente... e nada que boas sessões de psicanálise não resolvam rs.   


E então diz ai para nós quais apelidos voces também dão aos seus filhos? 


terça-feira, 23 de agosto de 2011

E a ganhadora do sorteio foi:

Sorteio do steri-sac.


Participantes:


Marthinha
Marcela
Carla
Glau Pima ( com direito a ter o nome escrito 2 vezes, com dois cupons por que twittou.)





Parabens a ganhadora !!E obrigada a voces todas que participaram! Querida ganhadora por favor me passa seu e-mail que la nos comunicamos melhor ;)


Bjinhos

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Sorteio de 1 ano de blog - A forma de esterilizar + eficaz e fácil que eu conheço

Eu não sei quanto a voces mas eu sempre achei o processo de esterilização caseiro complicado e demorado. Voce tem que se organizar bem, com bastante antecedência, para ferver a mamadeira, chupeta, aparelho de retirar leite materno e etc. Se você tem o aparelho de esterelização próprio para mamadeira ele ocupa muito espaço.


Dava dor de cabeça só de pensar que tinha aquele tanto de coisa para esterilizar.Tinha dia que eu não conseguia me organizar com bastante antecedência e o processo de esterilização atrasava todo o meu dia.


Isso foi antes de eu conhecer steri-sac. Um saco plastico de microondas  mais resistente ( re-usavel) que voce só precisa colocar  os itens lavados a serem esterilizados  em 60 ml de água filtrada, 3 minutos de microondas na máxima potência, então drenar a água fervendo, esperar esfriar e voi la : tudo esterelizadinho!!!


Voce pode esterilizar todos os objetos que são permitidos usar no microondas ex:


*Bico, mamadeira
* aparelho de retirar leite de peito (breats pump) esqueci o nome em portugues rs
*pratinho e colherzinha de plastico


Tudo isto:
*Em apenas 3 minutos
*Sem deixar cheiro
*Sem deixar residuos químicos
*Sem ocupar muito espaço


E como o blog www.mummybrown.blogspot.com esta fazendo 1 ano, eu gostaria de fazer um sorteio especial.


É com um imenso prazer que vou estar soretando 1 steri-sac ( pode ser usado até 20 vezes)


Steri-sac é uma mão na roda!O processo de esterilização para voce nunca mais será o mesmo!!  Aprovado pelo selo nacional de departamento de saúde e higiene da Grã Bretanha.

Para participar :

*Tem que deixar o nome no comentário 
*Tem que ser seguidora do blog
* Morar em qualquer lugar do mundo
*E mencionar o sorteio no seu blog ( com link para este blog)

Para ter mais uma chance de ganhar twitte:

Eu quero ganhar no sorteio do blog da @mummy_brown esta forma fácil de esterilizar www.mummybrown.blogspot.com



Vamos comemorar 1 ano de blog Mummy Brown com tudo esterilizadinho, esterilizadinho!!

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

What??? Sentando sozinha?

Parece que foi ontem que eu fiquei sabendo que estava grávida, toda a emoção, a ansiedade e as expectativas que senti na epóca passam ainda como um filme na minha cabeça. Mal vi as 42 semanas passarem, alias as ultimas semanas que ela insistia em ficar na minha barriga foram as mais difíceis e longas. Mas o resto realmente não vi.


Aí né a Yasmin nasceu, toda pequenina, com fome de peito, com o olhão aberto com uma vontade doida de descobrir mais deste mundo que tinha chegado. Precisava de mim para quase tudo até que um dia ( mais precisamente ontem) ...


sentou sozinha...






( a prova do crime)


Ela toda faceira brincando com o seu mordedor lá no sofa longe do encosto. Quando eu vi eu não sabia se chorava de emoção, ria ou corria para pegar a camera para registrar este momento #aloka1. E ela  com o ar todo blasé de quem parece que fazia isso já ha muito tempo. Sem entender todo o meu escândalo quando peguei a camera olhou para mim com uma cara assustada como quem dissese "  para que tanta euforia assim mamae"?

É por que voce só tem 5 meses, 5 dias e 5 horas de existência minha filha, e ja sentadinha assim com ar de independência não há coração de mãe que aguente! Até ontem mesmo o meu colo era onde voce mais gostava de ficar. E isso é só o começo, agora mesmo vem o engatinhar, depois o andar, depois ...

depois... OMG  total independência e eu fico abandonada!!! Ok sou dramática mesmo. Mas uma coisa é unanime, como nossas crianças crescem rápido, agora ela quer ficar sentada brincando e até esquece do meu colinho. :-(

Drama a parte, a verdade é que eu estou taaao mas taao orgulhosa da minha florzinha, que eu paro estranhos na rua para contar que ela ja esta sentando sozinha rs #aloka2

Mudando de assunto...
Pipooooouuu  o blog fez um ano e agora que me dei conta, temos 107 amigas nos seguindo!!! Obrigada, obrigada, obrigada!!

É felicidade de mais para um pobre coração de uma mãe (quase) abandonada rs

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Yasmin 5 meses, papinha e adeus cama compartilhada!

Oi meninas faz tempo que nao passo por aqui eu sei, e muita coisa aconteceu desde o meu ultimo post! Cama compartilhada nao existe mais aqui em casa !!! E Yasmin tem almoço todo dia!!

Deixa eu explicar o problema da cama compartilhada ( cama compartilhada não é um problema, a não ser que voce não queira ter cama compartilhada, porque ai sim vira um problemão) Sou fruto de cama compartilhada e sou totalmente normal ( bom talvez algumas pessoas possam nao concordar) rs Mas o que importa é que eu não morri ou tive maiores consequências por causa da cama compartilhada. 


Mas mummy então por que voce nao queria cama compratilhada?  Bom a situação lá em casa era diferente, tinha só duas pessoas envolvidas no caso eu e minha mãe. Agora com marido na jogada a coisa é diferente, pelo menos para mim! E cama compartilhada vira um problemão quando marido tem que mudar de quarto.


 O que fiz para mudar isto? Perseverei, com jeitinho. Hora de dormir punha ela no berço, ela chorava eu a pegava no colo e a amamentava e quando ela estava bem relaxada punha no berço de novo, até que ela entendeu rs. Tive que fazer isso várias vezes, não foi fácil, mas ela voltou para o berço dela, que é do lado da nossa cama.

Uma coisa que ajudou bastante foi o dar papinha para ela. Ela ficou mais calma e dorme melhor. Eu sei que a OMS recomenda apenas o leite materno até a idade de 6 meses. E eu defendia este período com unhas e dentes, até que a Yasmin fez 4 meses e nada, nada saciava esta menina. A amamentava de 2 em 2 horas, nem ela e nem eu dormia rs.

Conversando com a nossa health visitor ( o profissional que acompanha o desenvolvimento e progresso dos bebes) fiquei sabendo de um tal de baby rice. Um arroz específico para a digestao de bebes, sem sal, açucar ou gluten e com vitamina B1. Eh um pozinho branco que vc mistura com o leite ou de peito ou formula e vira um mingauzinho. 

  
Resolvi então começar com o arrozinho, e ela amou!!! Comia tudo em poucos minutos e advinha? Continuava com fome. O procedimento para estes arrozinhos é dar de mamar primeiro e depois dar o arrozinho, para deixar o bebe satisfeito, eu dava os dois peitos e arrozinho e ela ainda continuava com fome.





Este video comprova como ela come bem. Só que ela ainda ficava com fome, então duas semanas antes dela fazer 5 meses nos começamos com papinha. E ela come toda a comidinha dela, eu dou papinha uma vez ao dia (geralmente almoço) depois de meia hora de mamada ( os dois peitos) e vai metade do potinho e procuro variar em marcas. Ela ja comeu papinha de:


* cenoura
* nabo
* brocolli
* batata doce (sweet potato)
* pera e ervilha
* maçã
* chirívia (parsnip)


Na semana da amamentação e eu aqui falando dos benefícios de introduzir papinha na dieta dela. Eu sei que muitas mães não concordam com dar papinha muito cedo, eu também não concordava, mas percebi que minha florzinha esta preparada para papinhas.O reflexo de língua esta mais fraco, ela engole bem e hoje em dia não faz bagunça, come direitinho. E chora, mas chora muito quando ela percebe que a comida acabou rs

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails